Sucesso por meio de falhas?

Leia os chocantes artigos aqui e aqui.

Você vê que é possível transformar um fracasso técnico num sucesso comercial sabendo movimentar os peões no tabuleiro.
Explico:
Aquela empresa não consegue superar os méritos técnicos do GNU / Linux, nem corrigir seus defeitos técnicos.
Mas dona da, provavelmente, mais exitosa máquina de marketing do planeta, precisa criar um sucesso comercial disso.
Assim, descobriu que deve fomentar uma nova profissão no mercado: o "CONSERTADOR DE SEGURANÇA WINDOUS*".
Quando um exército de empregados existirem para tentar manter os sistemas windous meramente operando, eles serão um aliado nas trincheiras para evitar qualquer mudança para plataformas QUE FUNCIONEM.
Desta forma, a campanha anti-linux "get the facts" ou "obtenha os fatos" mudou o foco de "nós não temos problemas" para "nós temos as mais fácei$ ferramentas para consertar os intermináveis problema$".
Não importa que os problemas custem muito dinheiro e as ferramentas propostas custem mais dinheiro ainda.
Como o dinheiro é do dono da empresa, mas o trabalho é destes profissionais, começamos a entender alguns comportamentos....

Por falar nisso, o Debian GNU / Linux possui a mais avançada ferramenta de manutenção e aplicação de correções, o APT. Que na realidade é todo um sistema de ferramentas (apt-get, auto-apt, Synaptic, apt-build, etc), já abordadas noutra entrada nesse blog.
E ferramentas como FAI e cfengine para manter instalações realmente grandes, com milhares de máquinas.

Até nisso o Linux é melhor.
Mas lembre que no marketing não importam "fatos".
Tudo é questão de percepção pelo público alvo.
Percepção >>> venda.
No caso, percepção pelos diretores e presidentes, bem como os empregados encarregados de consertar falhas de segurança do windous*.

Aqui temos um ponto bem importante.
O GNU / Linux surgiu para resolver problemas das PESSOAS, como já analisado noutra entrada deste blog.
Ele nasceu, cresceu, evolui e inova para resolver os problemas das PESSOAS.
Esta é a força que as empresas de software proprietário estão começando a perceber, dado a mudança de foco das campanhas anti-linux.
Assim, é melhor apresentar as soluções do GNU / Linux para estas tarefas.
E evolui-las ainda mais e melhor.
Apresente uma sessão de atualizações e instalação de novos programas usando as ferramentas do sistema apt e o Synaptic, fai e cfengine, por exemplo.
E ferramentas de backup com recursos interessantes como amanda, mondo-rescue, dar.

É importante transmitir a percepção de que as ferramentas são superiores e tornarão o trabalho mais fácil.

Ainda assim, esteja preparado para lidar com o ancestral, visceral e instintivo medo de mudanças.
E não subestime o poder da máquina de marketing: percepção é mais importante que realidade; factóides são mais importantes que fatos.
Saiba filtrar adequadamente e como elucidar isto aos outros.

P.S.: Quem são os peões no tabuleiro?